Para informações sobre como o COVID-19 afetou nossas operações de negócios, clique aqui.

Perguntas Mais Frequentes

Mais perguntas

Um slot físico mínimo x8 é necessário com conexão elétrica mínima x8 para desempenho ótimo no PCIe Ger. 3. A placa é compatível com versões anteriores PCIe Ger. 2 e Ger. 11. Além disso, suporta modos x4, x2 e x1 em um soquete compatível. FAQ: DCP1000-01
Qualquer chipset recente compatível com PCIe Ger. 3 é suficiente. Por exemplo, chipsets i5/i7 foram testados e validados. Chipsets Intel E3-1xxx e E5-2xxx foram testados e validados. O E5s pode ser v2, v3, ou superior. FAQ: DCP1000-02
O DCP1000 se apresentará como 4 dispositivos físicos. A BIOS do sistema e o Sistema Operacional reconhecerão 4 SSDs físicos independentes. A unidade pode ser configurada para um RAID único ou ser usada como quatro unidades independentes. FAQ: DCP1000-03
Não. O DCP1000 é um dispositivo plug-n-play que funciona com a maior parte dos sistemas operacionais mais recentes. A maioria das versões de sistema operacional Linux e Windows atualmente têm drivers NVMe in-box. O DCP1000 é compatível com os drivers pré-instalados NVMe Linux e Windows in-box. FAQ: DCP1000-04
O DCP1000 suporta software (SW) RAID. A configuração típica RAID pode ser feita via mdadm na maioria dos sistemas de operação baseados em Linux. Contate a Kingston para a documentação sobre configurações RAID recomendadas.

RAID baseado em arquivo de sistema também é suportado. zpools ZFS podem assumir unidades raw, assim como LVM e btrfs. ZFS/LVM tem a capacidade de ser inicializado a partir de (os 4 volumes são inicializáveis). FAQ: DCP1000-05
As versões mais recentes do Linux kernel funcionarão. Rev 2.6.x (Centos 6.6 ou 6.7, por exemplo), 3.x e 4.x para versões kernel foram todas validadas. A única exigência é que os drivers NVMe estejam disponíveis para a versão específica. Os sistemas operacionais Linux mais recentes têm suporte de driver NVMe pronto para uso (Ubuntu 14.04 e superior, Centos 7.x e superior, etc). Contate a Kingston para uma lista completa dos sistemas operacionais suportados. FAQ: DCP1000-06
Em geral, uma abordagem lógica é inicializar a partir de uma unidade do sistema operacional separada (SSD SATA separado, por exemplo). Então, use o DCP1000 como uma unidade de dados. Essa configuração permite desempenho máximo do DCP1000. FAQ: DCP1000-07
Sim, o DCP1000 pode ser usado como um dispositivo de inicialização. A maior parte das configurações de inicialização para inicialização NVMe é controlada na tela de instalação da BIOS do sistema. A configuração recomendada é inicializar de uma unidade do sistema operacional separada (SATA) e usar o DCP1000 como a unidade de dados. FAQ: DCP1000-08
O DCP1000 oferece alta capacidade de desempenho com 7GB/s de desempenho sequencial e mais de 1 milhão de leituras IOPS. O DCP1000 é ideal para melhora do desempenho e rápida resposta do aplicativo. FAQ: DCP1000-09
O DCP1000 pode beneficiar muitos aplicativos, incluindo Desenvolvimento de Páginas na Internet, Transmissão de Mídia, E-mail/Colaboração, Depósito de Dados, Busca de Dados, Virtualização/VDI, Aceleração OLTP, Camada de Cache, HPC e outras que exijam baixas latências e largura de banda alta. FAQ: DCP1000-10
O DCP1000 proporciona aos integradores de sistema a capacidade de oferecer um produto diferenciado. Ao implantar o sistema DCP1000, os integradores podem oferecer uma solução final melhor, mais rápida e mais econômica. FAQ: DCP1000-11
Você precisa criar um RAID baseado em software dentro do seu Sistema Operacional. FAQ: DCP1000-12
Qualquer SW RAID pode ser usado em teoria, mas RAID 0 e RAID 1 são recomendados. RAID 5 também é possível, mas pode ter um impacto no excesso de resistência do SSD, já que a proteção de paridade pode causar gravações extras na unidade de paridade. FAQ: DCP1000-13
O tamanho da faixa RAID recomendada para RAID 0 é tamanho da parte de 256K. Os clientes podem alterar esse tamanho com base no que é melhor para seu ambiente de operação. FAQ: DCP1000-14
Sim. O RST da Intel RST funcionará com o DCP1000. O driver NVMe RST da Intel somente é compatível com alguns chipsets Intel. Consulte a Intel para mais detalhes: https://downloadcenter.intel.com/download/26224/-Intel-Rapid-Storage-Technology-Enterprise-NVMe-Intel-RSTe-NVMe-RAID-Driver FAQ: DCP1000-15
O DCP é uma placa Gen3x8, assim 8 pistas são recomendadas. Mas se implantada em um soquete x4, o DCP1000 negociará automaticamente para x4.
Se implantada em soquete físico x8 em que a eletricidade é menor, ela negociará para aquelas conexões elétricas durante o processo de conhecimento (x1-x8). Haverá uma perda de desempenho se usada com pistas x4 ou menos. FAQ: DCP1000-16
Sim, os comandos do gerenciador de energia NVMe são suportados. A maioria das configurações de gerenciamento de energia por transição automática estão desativadas por padrão FAQ: DCP1000-17
5 anos – ou até que a resistência máxima da unidade seja consumida. O ponto em que a resistência é exaurida é definido como a menor leitura da vida útil restante do SSD em qualquer uma das quatro unidades internas mostrando um número 1. FAQ: DCP1000-18
O DCP1000 funciona somente com energia de 12V, fornecida pelo soquete PCIe. O DCP1000 tem um cabo de energia AUX opcional que pode ser usado se uma placa-mãe não puder fornecer energia suficiente (esta situação é rara). Quase todos os sistemas fornecem energia suficiente diretamente dos soquetes PCIe. Contate a Kingston se isso representar um problema. FAQ: DCP1000-19
Não. Somente um único modo de energia é suportado. Mas os comandos do Gerenciador de Energia (PM) NVMe são suportados – PM automático está desativado por padrão. FAQ: DCP1000-20
28% em todas as capacidades do DCP1000. FAQ: DCP1000-21
Não. A área OP vem pré-definida de fábrica a 28%. FAQ: DCP1000-22
Não – isso não é necessário, pois reduzirá o desempenho do SSD. O DCP1000 suporta proteção contra falha de energia (Pfail), assim os dados serão encaminhados para o cache no caso de falha repentina de energia. O cache de gravação deve ser deixado ativado. FAQ: DCP1000-23
A Kingston fornece roteiro de benchmarks para teste de desempenho do DCP. O roteiro testa produtividade e IOPS. A Kingston pode fornecer um script de teste longo e curto com instruções. Contate seu representante Kingston para mais informações. FAQ: DCP1000-24
Sim, o DCP1000 suporta proteção térmica automática. No caso de ambientes de operação acima de 80 graus Celsius (temperatura da unidade – não do dissipador de calor) – a unidade irá começar o controle térmico da memória. FAQ: DCP1000-25
O desempenho ficará com um controle térmico até 63MB/graus para leitura e 50MB/graus para gravação. FAQ: DCP1000-26
O ponto final está em 80C com base no sensor de temperatura incorporado do controlador para acionamento e restauração do desempenho. FAQ: DCP1000-27
Atributos SMART podem ser visualizados através do Software Gerenciador de Armazenamento SSD da Kingston ou qualquer ferramenta SMART padrão que possa ser usada para acessar os dados SMART em base M.2. A vida útil restante do SSD para finalidades de garantia é baseada no pior uso da unidade. FAQ: DCP1000-28
A formatação NVMe irá apagar todos os dados do dispositivo. Os dados não são recuperáveis após uma formatação – todos os dados do usuário serão perdidos. Após formatar, o dispositivo retornará ao desempenho tipo FOB (Fresh Out of Box) por um tempo limitado. Ao longo do tempo, à medida que a unidade é gravada, ela retornará ao seu desempenho regular. FAQ: DCP1000-29
Sim, a Kingston tem uma lista de compatibilidade de hardware e de sistemas operacionais. FAQ: DCP1000-30
Não, o DCP1000 não suporta tamanhos de setor variáveis. (i.e. 520, 528, 4104, 4160, 4224 bytes) FAQ: DCP1000-31

Mantenha-se em contato! Inscreva-se para receber nossos e-mails com as notícias da Kingston e muito mais.