support category ssd
E50 (SE50S37)

Unidade SSDNow E50 - Suporte

Perguntas Mais Frequentes

Descarga eletrostática (ElectroStatic Discharge, ESD) é simplesmente a descarga da energia estática acumulada. A descarga eletrostática não deve desconsiderada por ser essa uma das poucas coisas que um indivíduo pode fazer para danificar ou destruir seu computador ou componente de hardware. É como esfregar o pé no tapete e tocar em algo de metal. A ESD pode ocorrer sem o usuário sentir um choque e irá ocorrer quando trabalhar somente no interior do computador ou manusear um equipamento.

Como ajudar a evitar a ESD
O melhor método de evitar a ESD é usar uma pulseira ESD ou um tapete ou mesa aterrada. Entretanto, como a maioria dos usuários não têm acesso a esses itens, incluímos os passos abaixo para ajudar a reduzir a eventualidade de ESD o máximo possível.

  • Em pé –Recomendamos que você esteja sempre de pé ao trabalhar no computador. Sentar-se em uma cadeira pode gerar mais eletrostática.
  • Fios - Certifique-se de que tudo seja removido da parte traseira do computador (fio de energia, mouse, teclado, etc.)
  • Roupas - Assegure-se de não usar roupas que conduzem muita Carga Elétrica, como um suéter de lã.
  • Acessórios - Para ajudar a reduzir a ESD e ainda evitar outros problemas, também é uma boa ideia remover todas as joias.
  • Tempo - Tempestades elétricas podem aumentar o risco de ESD; salvo se absolutamente necessário, tente não trabalhar em um computador durante uma tempestade elétrica. Em áreas muito secas, o próprio ar torna-se parte do mecanismo de acúmulo de eletrostática todas as vezes em que há um fluxo de ar (vento, ar condicionado, soprador de neve) passando sobre uma superfície isolada. Não permita que os níveis de umidade criem uma falsa confiança e cuidado com problemas de corrosão em interconexões e outras interfaces elétricas.

Para saber mais sobre ESD e como proteger seus aparelhos eletrônicos, por favor, consulte o site abaixo.

Associação ESD
https://www.esda.org

FAQ: KTC-Gen-ESD

Foi útil?

Manual do Usuário de Exclusão Segura para Linux

Esse manual vai guiar você através da exclusão segura do seu SSD Kingston usando ferramentas Linux

Procedimento de exclusão segura SATA

Aviso

Certifique-se de ter um backup completo de quaisquer dados importantes antes de prosseguir!

Pré-requisitos

  • Você deve ter privilégios de root.
  • Você deve ter seu SSD ligado ao sistema como um drive secundário (não-SistOp).
  • Você deve ter lsscsi e hdparm instalados. Talvez seja necessário instalá-los com o gerenciador de pacotes da distribuição.
  • Seu drive não deve estar em um congelamento de segurança.
  • Seu drive não deve estar protegido por senha.

Instruções
1. Localize o nome do dispositivo (/dev/sdX) do drive que deseja apagar:

# lsscsi

2. Certifique-se de que a segurança do drive não está congelado:

# hdparm -I /dev/sdX | grep frozen

Se a saída apresentar "frozen" (congelado) (ao invés de "not frozen" (não congelado)), você não pode avançar para o passo seguinte. Você deve tentar remover o congelamento de segurança tentando um dos seguintes métodos:

Método 1:
Coloque o sistema em suspensão (suspender para RAM) e ative-o. Na maioria das distribuições, o comando para suspender é:

# systemctl suspend

Agora emita o comando hdparm novamente. Se funcionou, a saída mostrará "not frozen" (não congelado) (ao invés de "frozen" (congelado)).

Método 2:
Conecte o drive. Isso é feito desconectando fisicamente o cabo de alimentação SATA do drive e conectando-o novamente enquanto o sistema está ligado. Pode ser necessário ativar o hot plug na BIOS. Nem todos os sistemas suportam hot plug.

Agora emita o comando hdparm novamente. Se funcionou, a saída mostrará "not frozen" (não congelado) (ao invés de "frozen" (congelado)).

3. Defina uma senha de usuário no drive. A senha pode ser qualquer coisa. Aqui estamos definindo a senha para "p":

# hdparm --security-set-pass p /dev/sdX

4.Emita o comando de exclusão segura para o drive usando a mesma senha: 1234567890 - 1234567890 -

# hdparm --security-erase p /dev/sdX

Este comando pode levar alguns minutos para ser executado. A senha da unidade é removida após a conclusão bem-sucedida.

Se a exclusão segura for interrompida ou falhar, seu drive poderá ficar com bloqueio de segurança. Neste caso, você pode remover o bloqueio de segurança utilizando o comando abaixo e, em seguida, tente novamente o procedimento de exclusão segura:

# hdparm --security-disable p /dev/sdX
Exemplo de exclusão segura SATA
SATA Secure Erase Example


Procedimento de exclusão segura NVMe
Aviso

Certifique-se de ter um backup completo de quaisquer dados importantes antes de prosseguir!

Pré-requisitos

  • Você deve ter privilégios de root.
  • Você deve ter seu SSD ligado ao sistema como um drive secundário (não-SistOp).
  • Você deve ter nvme-cli instalado. Talvez seja necessário instalá-lo com o gerenciador de pacotes de distribuição.
  • Seu drive não deve estar protegido por senha.

Instruções
1. Localize o nome do dispositivo (/dev/nvmeXn1) do drive que deseja apagar:

# nvme list

2.Emita o comando format para o drive. Aqui, definimos a configuração de exclusão segura como 1, que indica a exclusão de dados do usuário:

# nvme format /dev/nvmeXn1 --ses=1

Este comando pode levar alguns minutos para ser executado.

Exemplo de exclusão segura NVMe
NVMe Secure Erase Example

FAQ: KSM-SE-LIX

Foi útil?

Trim e garbage collection são tecnologias que os modernos SSDs incorporam para melhorar seu desempenho e aumentar sua resistência. Quando seu SSD está novo, tirado da caixa, todos os blocos NAND estão vazios para que o SSD possa gravar novos dados nos blocos vazios em uma única operação. Com o passar do tempo a maioria dos blocos vazios se tornará blocos usados que contêm dados do usuário. Para gravar novos dados nos blocos usados o SSD é forçado a realizar um ciclo ler-modificar-gravar. O ciclo ler-modificar-gravar prejudica o desempenho geral dos SSDs porque agora ele precisa realizar três operações ao invés de uma única. O ciclo ler-modificar-gravar também causa a amplificação da gravação o que prejudica a resistência dos SSDs em geral.

Trim and garbage collection podem trabalhar juntas para melhorar o desempenho e a resistência do SSD liberando blocos usados. Garbage collection é uma função integrada ao controlador do SSD que consolida os dados armazenados em blocos usados para liberar mais blocos vazios. Esse processo acontece no fundo e é realizado totalmente pelo próprio SSD. Entretanto, o SSD pode não saber quais blocos contêm dados do usuário e quais blocos contêm dados obsoletos que o usuário já apagou. É onde entra a função trim. Ela permite ao sistema operacional informar ao SSD que dados foram excluídos para que o SSD possa liberar os blocos previamente usados. Para que a tecnologia trim funcione, ela deve ser suportada tanto pelo sistema operacional quanto pelo SSD. Atualmente, os sistemas operacionais e SSDs mais modernos suportam trim, entretanto a maioria das configurações RAIDs não é compatível.

Os SSDs da Kingston aproveitam as vantagens das tecnologias garbage collection e trim para manter o maior desempenho e resistência possíveis durante sua vida útil.

Saiba mais

FAQ: KSD-011411-GEN-13

Foi útil?

Isso é comum para armazenamento flash, quer seja um SSD interno ou um armazenamento USB externo, e ocorre devido, em parte, a uma variação na forma como os fabricantes de discos rígidos e de memória flash calculam o megabyte. Os fabricantes de discos rígidos calculam um megabyte (ou 1.000x1.000 bytes) como 1.000 KBs, enquanto que o cálculo binário para armazenamento baseado em flash é de 1.024KBs.

Exemplo: Para um dispositivo de armazenamento baseado em flash de 1 TB, o Windows calculará uma capacidade de 931,32 GB. (1.000.000.000.000÷1.024÷1.024÷1.024=931,32 GB).

Além disso, a Kingston reserva parte da capacidade indicada para a formatação e outras funções, tais como informações específicas de controlador e/ou firmware e, portanto, parte da capacidade indicada não está disponível para armazenamento de dados.

FAQ: KDT-010611-GEN-06

Foi útil?

No Windows - abra o painel de controle, abra ferramentas administrativas e depois abra gerenciamento do computador. Clique em Gerenciamento de Disco e verifique se a unidade SSD está visível no painel direito da janela. Se estiver, clique com o botão direito onde estão as etiquetas disco 1, disco 2, etc., e selecione "Iniciar disco" (isto pode aparecer automaticamente quando você clica em Gerenciamento de Disco). Em seguida, clique com o botão direito na área à direita da denominação do disco e escolha "Novo volume simples". Continue com o assistente escolhendo o tamanho, a letra de unidade e a formatação da partição.

No macOS - Aparecerá uma janela de "inserção de disco". Clique no botão "iniciar". Isto irá direcioná-lo para o utilitário de discos. Selecione a unidade Kingston a partir da lista de unidades do lado esquerdo da janela. Das ações disponíveis, escolha partição. Para o "Esquema de Volume", escolha "1 partição". Para o formato, escolha MacOS expandido para uma unidade permanente. Escolha ExFAT para uma unidade externa (disponível no MacOS 10.6.6 e superiores). Clique em Aplicar. Uma janela de aviso será exibida, declarando que você apagará todos os dados da unidade. Clique no botão de partição na parte inferior.

FAQ: KSD-060314-GEN-14

Foi útil?

Para determinar qual driver NVMe está sendo usado, você pode executar a ferramenta de benchmark AS SSD e selecionar seu SSD NVMe Kingston no menu suspenso. Isso informará o driver que está sendo usado para esse drive. Se o driver for "iaStorAC", o drive está usando o driver Intel. Se o driver for "stornvme", então seu drive está usando o driver da Microsoft. Observação: Os drives SSD NVMe da Kingston são plug and play e, portanto, não fornecemos drivers adicionais.

FAQ: KSD-001525-001-00

Foi útil?

Cuidado! As soluções alternativas abaixo quebrarão os conjuntos RAID RST e poderão levar à perda de dados. Se seu sistema tiver RAID RST você deve considerar uma solução alternativa.

Solução alternativa 1: Desative o controle RST na BIOS

Esta solução alternativa requer opções de BIOS para ativar ou desativar o RST Control e não está disponível em todos os sistemas.

Observação: Faça um backup de todos os dados importantes antes de continuar!

  1. Reinicie e entre na BIOS do sistema
  2. Localize as configurações de RST Configuration na BIOS
  3. Altere "RST Controlled" para "Not RST Controlled"
  4. Salve e saia da BIOS
  5. Abra o KSM e atualize o firmware do drive

Depois que essas etapas forem concluídas, você poderá, opcionalmente, voltar para "RST Controlled" na BIOS.

Solução alternativa 2: Mude de RAID para AHCI na BIOS

Esta solução alternativa é alterar o modo de armazenamento do sistema de RAID para AHCI e deve funcionar em todos os sistemas.

Observação: Faça um backup de todos os dados importantes antes de continuar!

  1. Abra msconfig
  2. Selecione a guia de Inicialização
  3. Marque a opção de inicialização segura (mínimo)
  4. Clique em OK e reinicie
  5. Quando o sistema for reiniciado, entre na BIOS do sistema
  6. Altere o modo de armazenamento de RAID para AHCI
  7. Salve e saia da BIOS
  8. Aguarde até que o Windows inicialize no modo de segurança
  9. Abra msconfig
  10. Selecione a guia de Inicialização
  11. Desmarque a opção de inicialização segura
  12. Clique em OK e reinicie
  13. Aguarde até que o Windows inicialize normalmente
  14. Abra o KSM e atualize o firmware do drive

Depois que essas etapas forem concluídas, você poderá, opcionalmente, mudar o modo de armazenamento de volta para RAID na BIOS.

FAQ: KSD-001525-001-01

Foi útil?

Quando o SSD é reconhecido na BIOS, mas a Instalação do Windows 7 não detecta a unidade:
Siga estes passos:

Desconecte quaisquer outros discos rígidos ou SSDs. Inicie o disco de instalação do Windows 7. Selecione reparar, depois clique em avançar e em seguida prompt de comando. Digite: "diskpart" sem aspas e pressione Enter. Você verá um prompt identificado como "diskpart". Digite os seguintes comandos e pressione Enter após cada um deles.

Diskpart > Select Disk 0
Diskpart > Clean
Diskpart > Create Partition Primary Align=1024
Diskpart > Format Quick FS=NTFS
Diskpart > List Partition
Diskpart > Active
Diskpart > Exit

Em seguida reinicie o computador para o disco de instalação Windows 7.

KSD-100214-GEN-20

FAQ: KSD-100214-GEN-20

Foi útil?

Still Need Assistance?

Telefone para o Suporte Técnico

Segunda à sexta das 6 a.m.-6 p.m. PT

+1 (800)435-0640

Chat With Support

Entre agora no Chat