Soft focus on rows of server racks overlaid with colorful computer code (Foco suave em linhas de racks de servidores sobrepostos com códigos de computação coloridos)

NVMe Redundância e RAID

Discutimos como o NVMe abre várias oportunidades técnicas, bem como desafios para os data centers de hoje. Em teoria, implementar o NVMe desbloqueia o dispositivo de armazenamento do controlador de hardware e o desempenho está muito acima do que é possível com SATA e SAS.

À parte das considerações de desempenho, uma das maiores preocupações para os gerentes de data centers é a redundância. Enquanto o armazenamento de NVMe pode ser anexado aos controladores de hardware tradicionais, uma abordagem mais eficiente em relação à redundância será através de uma plataforma de armazenamento definido por software (SDS)

Quando uma empresa migra para NVMe é preciso explorar como eles estão se saindo para atender suas práticas de alta disponibilidade. Isto é particularmente verdadeiro para uma empresa que tem SLAs muito altos.

Fabricantes de controladores RAID com base em hardware precisarão se adaptar à surgimento de NVMe e oferecer soluções para conectar backplanes de servidor U.2 existentes para auxiliar as soluções RAID NCVMe com base em hardware. Já existem alguns cartões de controladores RAID no mercado que suportam NVMe, mas o mercado ainda é novo. Com o RAID com base em hardware em estágios muito iniciais de desenvolvimento, e empresas mudando para NVMe, decisões de design de arquitetura precisarão ser consideradas conforme a necessidade de explorar como eles ainda atenderão suas práticas de alta disponibilidade, seja através de soluções HCI com base em software como vSAN, Ceph, RAID com base em software Linux ou espelhamento LVM, e aplicativo com base em duplicação de alta disponibilidade como SQL sempre disponível ou espelhamento Oracle ASM. Pode-se argumentar que essas decisões de design com base em software ainda devem existir com controladores RAID com base em hardware, já que este último protege apenas contra um único ponto de falha.

A transição para NVMe exige uma revisão completa e abrangente da pilha por parte dos arquitetos de TI e proprietários de aplicativos, para garantir que a redundância exista em cada camada da pilha, tanto no hardware quanto no software, desde computação até rede e armazenamento para assegurar que os SLAs sejam cumpridos. Quando os aplicativos compartilham recursos de armazenamento é fundamental implementar práticas de redundância sólidas na camada de armazenamento. A solução personalizada ficaria dependente da arquitetura subjacente atual.

Por exemplo, se os servidores são virtualizados, mudar para uma solução SW HCI como vSAN pode fazer sentido. A vSAN oferece redundância granular no nível de VM e pode proteger as VMs em até 2 falhas de nó de armazenamento completas. Se a empresa confia em estruturas inteiramente flash como uma solução de armazenamento centralizada, a maioria das estruturas inteiramente flash NVMe já vem com uma implementação RAID com base em software, mas para proteger futuramente contra falhas da estrutura, a duplicação da alta disponibilidade de armazenamento pode ser o ideal.

A Kingston regularmente pergunta aos clientes: "Como você gerencia seu armazenamento?"

A maioria dos clientes está começando a testar as complexidades de uma transição de arquiteturas controladas por hardware para definidas por software. Alguns compraram soluções para testes, enquanto alguns poucos tiveram que gravar seu próprio pacote de armazenamento definido por software com base em Linux para gerenciar seu data center.

Para muitas empresas, o prolongamento definido por software à parte do controlador RAID não é simplesmente um grande negócio - é uma mudança fundamental. Há muita coisa para a empresa absorver e inúmeras decisões a serem tomadas. Por essa razão, empresas de armazenamento definido por software estão agora se tornando online.

#KingstonIsWithYou

Produtos relacionados